Afinal, quantas horas estudar por dia? Descubra aqui!

Compartilhe

Não importa se a preparação é para uma prova de vestibular ou de concurso público, uma dúvida frequente entre os estudantes é quantas horas estudar por dia. Afinal, com tantos conteúdos para serem revisados, parece que o tempo não será suficiente para dar conta de todos os tópicos. Contudo, com um bom planejamento, é possível se organizar para estudar com tranquilidade.

Pensando nisso, neste post, vamos explicar qual é a importância de ter uma boa rotina de estudos e como definir a carga horária diária. Continue a leitura e confira!

Qual é a importância de ter uma boa rotina de estudos?

Ter uma boa rotina de estudos é fundamental para ajudar o estudante a se preparar para as provas. Afinal, como dissemos, a quantidade de tópicos a serem revisados é grande, fazendo com que seja fácil deixar algo passar despercebido. Para evitar que isso aconteça, é importante definir a quantidade de horas de estudo, para garantir um bom aproveitamento sem sobrecarregar o estudante.

Como definir a carga horária de estudos diários?

Agora que você já sabe a importância de ter uma rotina de estudos, veja alguns fatores que devem ser considerados ao definir a carga horária diária. Confira!

Analise o tempo disponível

Sabemos que as rotinas estão cada vez mais conturbadas, principalmente para quem, além dos estudos, ainda precisa se dedicar ao trabalho. Por isso, ao planejar o seu cronograma de revisões, em primeiro lugar, é preciso considerar o tempo que você terá disponível para essa atividade. Afinal, não adianta reservar 6 horas do seu dia para os estudos, se, na verdade, você terá apenas a metade desse tempo. Por isso, nesse momento, seja honesto consigo mesmo e avalie com frieza a sua disponibilidade.

Entenda qual é o seu período de maior produtividade

Após definir a quantidade de horas que você terá para os estudos, procure saber qual é o seu período de maior produtividade. Dessa forma, será possível garantir um melhor rendimento, que refletirá no seu desempenho na prova.

Dê atenção ao seu descanso

Um erro que muitos estudantes cometem é se dedicar exclusivamente aos estudos e abrir mão do descanso. Esse erro é fatal para qualquer tipo de aprendizado, pois é durante o sono que o corpo se recupera das atividades do dia e o cérebro absorve o que foi aprendido. Portanto, procure sempre fazer pequenas pausas durante o período de estudo para esticar as pernas, ajustar a coluna e dar aquela respirada. Também, à noite, tente estabelecer uma rotina de sono saudável, dormindo de 6 a 8 horas.

Monte um cronograma de estudos

Por fim, depois de definir a quantidade de horas disponíveis por dia e o período de maior produtividade, além de considerar os momentos de descanso, chegou a vez de construir o seu cronograma de estudos. Distribua os conteúdos que precisam ser estudados entre os dias disponíveis, de forma a deixar essa rotina fluida e sem sobrecargas. Para garantir um maior rendimento, é possível contar com alguns métodos para aumentar o foco, como a técnica do pomodoro.

Qual é a importância de realizar um curso preparatório?

Se você se prepara para prestar um concurso público, uma boa dica é fazer um curso preparatório. Ele oferecerá todo o suporte necessário, o que pode ser ainda mais importante para o resultado que a quantidade de horas estudadas.

Agora que você já sabe criar o seu cronograma de estudo e definir quantas horas estudar por dia, comece agora mesmo a sua preparação para as provas. Se for concurseiro, não se esqueça de considerar a opção de fazer um curso preparatório, certo?

Se você gostou deste post, aproveite para nos seguir nas redes sociais: estamos no Facebook, no Instagram, no Twitter, no LinkedIn e no YouTube!

Por Equipe de Conteúdos CEISC

    Leave Your Comment Here

    Close Bitnami banner
    Bitnami