,

Cebraspe divulga gabarito preliminar de soldado da PM-SC!

Banca responsável pelo certame disponibilizou os gabaritos preliminares de prova aplicada no último domingo (27).

O Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção de Promoção de Eventos (CEBRASPE) disponibilizou nesta terça-feira, dia 29 de agosto, o gabarito preliminar para o cargo de Soldado da Polícia Militar de Santa Catarina. A prova objetiva e discursiva foi aplicada no dia 29 de agosto. 

Nisso, a equipe de professores do Ceisc está avaliando a prova para o cargo de soldado da Polícia Militar do Estado de Santa Catarina (PM-SC). Vale ressaltar que atualizaremos este post conforme evoluirmos com a análise!

Confira o gabarito preliminar disponibilizado pela banca:   

Vale ressaltar que para o cargo de Soldado foram ofertadas 500 vagas, distribuídas na seguinte forma:

Recursos

Os candidatos poderão interpor recurso contra o gabarito preliminar entre às 10h do dia 30/08 às 18h do dia 31 de agosto (horário oficial de Brasília/DF) exclusivamente pelo site do Cebraspe.

Confira abaixo os possíveis recursos elaborados pelos nossos professores para auxiliá-los. Lembre-se de adaptar a fundamentação com as suas palavras e evitar qualquer anulação da interposição do recurso. 

Confira os possíveis recursos para a prova de Soldado:  

QUESTÃO 01:  

Não há possibilidade de recurso   

QUESTÃO 02:

Não há possibilidade de recurso      

QUESTÃO 03:  

Não há possibilidade de recurso   

QUESTÃO 04:  

Não há possibilidade de recurso   

QUESTÃO 05:   

Não há possibilidade de recurso   

QUESTÃO 06:  

Não há possibilidade de recurso   

QUESTÃO 07:  

Não há possibilidade de recurso   

QUESTÃO 08:  

Não há possibilidade de recurso   

QUESTÃO 09:  

Não há possibilidade de recurso   

QUESTÃO 10:  

Não há possibilidade de recurso   

QUESTÃO 11:  

Não há possibilidade de recurso   

QUESTÃO 12:  

Não há possibilidade de recurso   

QUESTÃO 13:  

Não há possibilidade de recurso   

QUESTÃO 14:  

Não há possibilidade de recurso   

QUESTÃO 15:  

Não há possibilidade de recurso   

QUESTÃO 16:  

Não há possibilidade de recurso   

QUESTÃO 17:  

Não há possibilidade de recurso   

QUESTÃO 18:  

Não há possibilidade de recurso   

QUESTÃO 19:  

Não há possibilidade de recurso   

QUESTÃO 20:  

Não há possibilidade de recurso  

 QUESTÃO 21:  

Não há possibilidade de recurso  

QUESTÃO 22:  

Não há possibilidade de recurso  

QUESTÃO 23:  

Não há possibilidade de recurso  

QUESTÃO 24:  

Não há possibilidade de recurso  

QUESTÃO 25:  

Não há possibilidade de recurso  

QUESTÃO 26:  

Não há possibilidade de recurso  

QUESTÃO 27:  

Não há possibilidade de recurso  

QUESTÃO 28:  

Não há possibilidade de recurso  

QUESTÃO 29:  

Não há possibilidade de recurso 

QUESTÃO 30:  

Comentário do professor Carlsbad Von Knoblauch: 

A questão pedia: Considerando as disposições do Decreto n.º 19.236/1983 a respeito da promoção de oficiais da PMSC, assinale a opção correta.  

Foi considerada correta a assertiva: O oficial que tenha sido punido com prisão, no posto atual, por transgressão atentatória à dignidade e ao pundonor policial militar será excluído do quadro de acesso por merecimento já organizado ou dele não poderá constar. 

Contudo o artigo utilizado para fundamentar essa resposta foi alterado, ao que se percebe que a banca utilizou versão antiga do artigo que segue: 

Art. 34 – Será excluído do Quadro de Acesso por Merecimento já organizado ou dele não poderá constar, o Oficial PM que: 

II – houver sido punido com prisão, no posto atual, por transgressão considerada como atentatória à dignidade e ao pundonor policial-militar, na forma definida no Regulamento Disciplinar; 

O artigo acima foi atualizado pelo Decreto 801 de 12 de abril de 1996, o texto vigente que não foi considerado pela banca deveria ter sido: 

Art. 34. Será excluído do Quadro de Acesso por Merecimento já organizado ou dele não poderá constar o Oficial PM que incidir em qualquer uma das circunstâncias previstas nos arts. 29 e 30 da Lei n.º  6.215, de 10 de fevereiro de 1983. 

E nos artigos 29 e 30 da lei não há mais menção a “transgressão considerada como atentatória à dignidade e ao pundonor policial-militar”, inclusive o mesmo decreto alterou os anexos da norma para prever a possibilidade do Oficial punido deste modo concorrer, mesmo assim, a promoção, mas com perda de um ponto, ou seja, não é mais causa de exclusão do quadro mas tão somente de desconto de ponto. 

Ocorre que sítio eletrônico da PGE/SC (fonte das normas / decretos do Estado de SC) não atualiza os decretos automaticamente apenas expondo uma lista das atualizações ao usuário. Segue demonstrativo de todas as atualizações citadas para o Decreto 19.236/1983: 

QUESTÃO 31:  

Não há possibilidade de recurso  

QUESTÃO 32:  

Não há possibilidade de recurso  

QUESTÃO 33:  

Comentário da professora Luana Teixeira Porto: 

A questão teve indicada, em gabarito oficial preliminar, como correta a alternativa D. No entanto, conforme o texto, os algoritmos estão em toda parte, o que é comprovado por dados estatísticos indicados no primeiro parágrafo para justificar a afirmação (uso do algoritmo para decisões de compra e venda, pesquisas no google e respostas dadas a uma busca e uso também para decisões no campo da engenharia automotiva). E isso antedê ao que está indicado na alternativa C. Os exemplos do uso de algoritmos em diferentes setores da sociedade também, de acordo com a resposta indicada como correta na alternativa D, estão apresentados por dados estatísticos no primeiro parágrafo. Logo, vê-se que tanto a redação dada em C quanto em D atende à mesma ideia, razão pela qual não se pode elencar apenas uma das respostas como corretas.  

Não obstante, cabe destacar que a redação de C atende de forma mais precisa ao conteúdo do texto, pois é nela que são expostos dados estatísticos sobre o uso de algoritmos em diferentes setores, como a engenharia automotiva, a pesquisa em sites de busca de conteúdo, como o Google, e robôs usados em ações de investimento financeiro. 

Diante disso, solicita-se reforma do gabarito, passando-o de D para C. 

QUESTÃO 34:  

Comentário da professora Luana Teixeira Porto: 
Conforme o texto, as palavras “prosaicos” e “intangíveis” significam, respectivamente, algo comum, corriqueiro e algo intocável e inatacável (este é termo menos comum, mas também sinônimo de intangível).  O sentido de intangível está associado a algo não palpável, que não se pode tocar, o que não pode ser associado à ideia de não compreensão (incompressível), como propõe o gabarito preliminar. 

Diante disso, solicita-se reforma do gabarito, passando-o de A para B. 

QUESTÃO 35:  
Não há possibilidade de recurso   

QUESTÃO 36:  
Não há possibilidade de recurso   

QUESTÃO 37:  
Comentário da professora Luana Teixeira Porto: 
A questão teve indicada, em gabarito oficial preliminar, como correta a alternativa D. No entanto, a oração iniciada por travessão não apresenta sentido explicativo e sim aditivo, razão pela qual a afirmação do enunciado não pode ser considerada correta. É ideia de edição e não de explicação porque o enunciado traz o exemplo do caso dos Estados Unidos, não havendo, antes, alusão a esse país, o que também corrobora a ideia de que não se trará de explicação o enunciado introduzido pelo travessão. 

Ademais, o ponto final é usado para introduzir informação nova, o que ocorre no contexto da frase. 

Diante disso, solicita-se reforma do gabarito, passando-o de D para A. 

QUESTÃO 38:  
Comentário da professora Luana Teixeira Porto: 
A questão teve indicada, em gabarito oficial preliminar, como correta a alternativa E. 

A locução conjuntiva “de modo que” tem o mesmo valor semântico que “De sorte que, de maneira que; logo.”, indicado modo de se fazer algo. Isso não ocorre com a locução “de sorte que”, que tanto pode indicar modo como consequência de ação, ideia não adequada do contexto de emprego do termo. 

Diante disso, solicita-se reforma do gabarito, passando-o de A para A. 

QUESTÃO 39:  
Comentário da professora Luana Teixeira Porto: 
A expressão “colocar em xeque” pode remeter tanto a uma ideia de colocar algo em dúvida ou perigo. Como a frase do exto é a última e não há, portanto, desdobramento do raciocínio, fica mais difícil optar entre B e D. 

A banca indicou como gabarito preliminar apenas uma das alternativas, e isso corrobora pedido de anulação da questão. 

QUESTÃO 40:  
Não há possibilidade de recurso   

QUESTÃO 41:  
Não há possibilidade de recurso   

QUESTÃO 42:  
Não há possibilidade de recurso   

QUESTÃO 43:  

Não há possibilidade de recurso   

QUESTÃO 44:  

Não há possibilidade de recurso   

QUESTÃO 45:  

Não há possibilidade de recurso  

QUESTÃO 46:  

Não há possibilidade de recurso  

QUESTÃO 47:  

Comentário do professor Cesar Vianna: 

O ChatGPT não é uma ferramenta de pesquisa na Internet. Ele é um modelo de linguagem que foi treinado em uma ampla variedade de textos coletados da Internet, mas não acessa a Internet em tempo real para buscar informações atualizadas. Em vez disso, ele gera respostas com base no conhecimento que foi incorporado durante o seu treinamento até a data do corte do conhecimento, que no meu caso é setembro de 2021. 

Embora o ChatGPT possa fornecer informações e gerar texto relevante com base no treinamento prévio, ele não é uma fonte confiável para informações atualizadas e precisas. Se você está procurando informações específicas ou atualizadas, é sempre recomendável usar fontes confiáveis e buscar em mecanismos de busca na Internet. 

QUESTÃO 48:  

Não há possibilidade de recurso  

QUESTÃO 49:  

Não há possibilidade de recurso  

QUESTÃO 50:  

Não há possibilidade de recurso  

QUESTÃO 51:  

Não há possibilidade de recurso   

QUESTÃO 52:  

Não há possibilidade de recurso   

QUESTÃO 53:  

Não há possibilidade de recurso   

QUESTÃO 54:  
Não há possibilidade de recurso 

QUESTÃO 55:  
Não há possibilidade de recurso 

QUESTÃO 56:  
Não há possibilidade de recurso 

QUESTÃO 57:  

Não há possibilidade de recurso  

QUESTÃO 58:  

Não há possibilidade de recurso  

Compartilhe

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on telegram
Share on email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais lidas

Tags

Posts relacionados

Pular para o conteúdo