,

Como funciona a repescagem da OAB?

A repescagem na OAB é uma excelente oportunidade para aqueles que foram aprovados na primeira fase mas reprovaram, foram ausentes ou eliminados na segunda. Nesses casos, é possível optar pela repescagem, realizando novamente a prova prático-profissional. 

Para facilitar esse momento, neste texto, mostramos como funciona o reaproveitamento e a importância de fazer uma boa preparação. Continue a leitura! 

Quando sai o edital de repescagem?

Os procedimentos para requerer o reaproveitamento do resultado de aprovação na 1ª fase do XXXIV Exame de Ordem Unificado serão dispostos em edital complementar com publicação prevista para o dia 10 de junho de 2022.

É possível mudar de disciplina na repescagem da OAB?

Uma dúvida muito comum entre os candidatos da OAB que farão a repescagem é se é possível alterar a disciplina para segunda prova. Sim, é possível fazer a mudança da matéria para realizar a segunda fase novamente.

Nessa hora, é preciso pensar com carinho: lembre-se que, se você alterar o assunto, sua preparação começa praticamente do zero. Será preciso estudar novamente o cabimento das peças, os artigos mais importantes, o direcionamento e outras questões.

Então pense bem antes de fazer essa alteração. Se os erros foram pontuais ou por falta de atenção na prova anterior, alterar a disciplina pode não ser uma boa ideia, afinal você já domina a matéria e só precisa trabalhar melhor a ansiedade e o foco.

Vale lembrar, também, que é possível mudar a cidade em que o exame será prestado, se isso for melhor para você. A mudança do estado, contudo, só é permitida com a autorização da Coordenação Nacional do Exame de Ordem.

Posso me inscrever para repescagem e para 1ª Fase?

A resposta é SIM! O questionamento pode parecer estranho para quem não tem familiaridade com os editais do Exame de Ordem, mas é plenamente possível.

O objetivo principal da medida é garantir com a 1ª Fase duas novas chances de prestar a 2ª Fase do Exame de Ordem.
Vejamos o que trazia o último edital:

O examinando que tenha direito ao reaproveitamento da 1ª fase do XXXIII Exame e que porventura tenha se inscrito no XXXIV Exame de Ordem Unificado, por meio de pagamento ou isenção da taxa, nos prazos previstos nos itens 2.1.2 e 2.1.2.4 do respectivo Edital normatizador, de 10 de dezembro de 2021, ainda assim poderá realizar a inscrição para o reaproveitamento, devendo para tanto cumprir os procedimentos necessários (inscrição na forma e período previstos neste edital, bem como o pagamento da taxa referente ao reaproveitamento). 

O objetivo é uma proteção extra, ou seja, o candidato que estiver na repescagem do XXXIV Exame de Ordem pode, fazendo agora a prova da 1ª fase novamente, buscar uma segurança (caso venha a reprovar na repescagem), mantendo o direito a próxima repescagem, ou seja, a do XXXV Exame.

Será que a medida é realmente importante?

Utilizando esta medida a repescagem deixa de ser a última chance de aprovação e o candidato acaba garantindo sempre um período de estudos maior para 2ª Fase do Exame de Ordem.

Por óbvio, a medida é cara, uma vez que, é necessário que o candidato se inscreva e efetue o pagamento tanto na repescagem quanto na 1ª Fase.

Outrossim, é importante que o candidato aprove na 1ª Fase para garantir essa segurança. Porém, examinado que irá prestar a prova da OAB deverá focar seu estudo na 2ª Fase e deixar apenas para revisar os conteúdos de 1ª Fase.

Se trata de uma decisão iminentemente pessoal, porém, se você julga que seria importante ter uma segurança pode ser uma boa opção. 

Como se preparar para repescagem do Exame da Ordem?

Como falamos, uma boa preparação para a repescagem do Exame da Ordem é focar nos erros que foram cometidos na prova anterior, de modo a identificar as suas dificuldades e matar essas questões para a segunda fase.

Mas não é só isso que você deve fazer. A preparação para a repescagem exige um estudo a fundo da matéria, assim como no exame anterior. É essencial não deixar passar nada, afinal a prova será diferente, e podem cair assuntos que ainda não foram vistos.

Quem se ausentou ou foi eliminado na segunda fase também pode fazer a repescagem. Sendo assim, dê uma olhada na primeira prova e veja se conseguiria uma boa nota, analisando tudo o que caiu e que você tem dificuldades.

A dica de ouro aqui é contar com um curso de repescagem OAB! Eles trazem dicas fundamentais para essa hora e são muito importantes para uma boa preparação, tendo em vista que focam exclusivamente nessa prova, oferecendo um bom direcionamento e estudo estratégico para você.

Conheça o Ceisc

O Ceisc conta com preparatórios para 2ª Fase da OAB completos e atualizados! Para mais informações, acesse aqui!

Compartilhe

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on telegram
Share on email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais lidas

Tags

Posts relacionados

Skip to content