Não basta ter somente conhecimento técnico: é preciso preparar-se emocionalmente

Não basta só o conhecimento técnico: prepare-se emocionalmente para a prova e aumente suas chances de sucesso!

Por:

Caroline Maria Nunes

Estou aqui hoje para conversar com você que está diante deste momento de avaliação e lembrar sobre a importância de acolher as suas vulnerabilidades.

Presencio muitos estudantes preocupados com o seu desempenho e com a preparação técnica frente a prova, que por vezes, deixam de cuidar de um fator primordial e fundamental para que a conquista almejada se concretize: a saúde mental.

Diante de uma autocobrança exacerbada, o estudante encontra dificuldades em reservar um tempo do seu dia a dia para se escutar. E é preciso pausar para cuidar. Muito além de desenvolver uma organização em relação aos estudos, é necessário poder encontrar lugar e tempo para acolher a sua ansiedade, a sua insegurança, o seu medo e também as incertezas que surgem diante deste período.

Mas como preparar-se emocionalmente para este momento?

Considere os seguintes pontos:

– Buscando por apoio psicológico para que você se visualize em situações mais desconfortáveis que geram frustração, bem como desenvolvendo recursos psíquicos para lidar com as adversidades que podem ocorrer frente ao momento de avaliação;

– Reconhecendo suas próprias fragilidades e aprendendo a lidar com seus sentimentos e emoções, podendo levar você da reprovação à aprovação;

– Valorizando o quanto vem se dedicando para este momento, bem como explorando suas próprias potencialidades;

– Construindo o seu autoconhecimento, pois poderá impactar diretamente no seu rendimento. Lembre-se que quanto mais você se conhece, maior será a probabilidade de identificar suas limitações e o que por vezes impede de conseguir obter a aprovação desejada;

– Acreditando em você. Resgate o percurso que fez você chegar até aqui e se orgulhe das batalhas internas que vem enfrentando. Foram muitas noites mal dormidas, privações de momentos de lazer com amigos e família para viver este momento tão esperado. Por isso, perceba que você vem entregando o seu melhor de acordo com o que você consegue e esta será uma etapa em que você irá testar os seus conhecimentos.

– Sabendo aproveitar o processo e não apenas o resultado final. Por mais difícil que seja, não perca a sua leveza e a possibilidade de cuidar de você ao acolher as suas vulnerabilidades. Nenhuma aprovação deve custar a sua saúde mental.

– Se permitindo a errar e a se frustrar. Lembre-se de que você não precisa ser perfeito ou ter que atingir um ideal. Vivemos em um mundo que nos contam somente sobre os acertos, o sucesso, as vitórias e apagam as dificuldades presentes em nossas vidas, não possibilitando um entendimento e clareza para lidar com as falhas quando elas ocorrem. Por isso acolha as suas vulnerabilidades e valide a possibilidade de se permitir arriscar em seus desejos.

Respeite o seu próprio tempo e entenda que ainda que a prova represente um momento de transição em sua vida, ela não define quem você é e o seu valor.

Viva intensamente esse momento que simboliza o seu crescimento profissional.

Com carinho, psicóloga Caroline M. Nunes.

Compartilhe

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on telegram
Share on email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Colunas Relacionadas

Posts relacionados

Pular para o conteúdo