Como conciliar faculdade, TCC e OAB?

Conciliar a faculdade, o TCC e a preparação para a OAB pode ser uma tarefa difícil. Confira algumas dicas para se organizar e ter sucesso em todas as atividades!
Camila Lopes - Mentorias

Por:

Camila Martins

A reta final de faculdade é um período conturbado para qualquer universitário, mas para os estudantes de Direito esse período traz um grande acréscimo: o Exame de Ordem. Faz parte da conclusão desse ciclo e de início do próximo, querer concluir a faculdade já com a vermelhinha em mãos, “ser advogado com OAB e tudo”, mas conciliar todas essas atividades características do período pré-formatura e mais os estudos para OAB vão requerer algumas atitudes e organizações do examinando.  

Bom, se você se identifica com esse misto de acontecimentos importantes e de atividades para realizar, já pega a caneta e os Post-its e vamos às dicas! 

Anote as datas importantes 

Como bom advogado que será, você já deve saber da importância de não perder prazos! Nesse sentido, o passo inicial é organizar todas as suas atividades no calendário. Marque as datas de entrega de projetos do TCC e a data de apresentação. Com relação à faculdade, marque as datas das provas e das entregas de trabalho e por final, indique no calendário as datas principais do Exame de Ordem que você realizará. 

Marcar essas datas em um calendário te permitirá analisar quanto tempo você possui entre cada atividade e assim, poderá organizar melhor a sua rotina de acordo com essas informações. Além disso, suas obrigações se tornarão mais visíveis e você não correrá o risco de perder datas importantes em meio a tantas atividades.  

Se possível deixe esse calendário em um local de fácil visualização, próximo ao seu espaço de estudo, por exemplo, para que você mantenha esse calendário atualizado e possa consultá-lo sempre que precisar.  

Disciplina é liberdade  

Sinto dizer, mas agora mais do que nunca, você precisará de uma rotina de estudos. Não há possibilidade de falarmos em sucesso nesses três grandes eventos: TCC, OAB e final da faculdade, sem falarmos de disciplina e organização. 

Mas calma, isso não significa que você excluirá qualquer período de descanso, muito pelo contrário, a questão é definir em quais momentos esse descanso acontecerá, para que você tenha o rendimento desejado e ainda possa aproveitar momentos de lazer.  

No que tange aos estudos para OAB, é de grande valia se você seguir um cronograma de estudos, pois parte da sua organização já estará pré-determinada, restando somente a realização das atividades diárias indicadas. No caso dos cursos Ceisc, os cronogramas de estudo para OAB são dispostos de forma estratégica para que você estude primeiro as disciplinas com mais questões na prova, além da indicação das exatas questões que o aluno deve responder a cada dia, relacionadas aos assuntos recém estudados. Sabendo que seu tempo é um recurso finito, seguir o cronograma de estudos te impedirá de desperdiçá-lo procurando o que estudar e em qual ordem estudar.  

Traçar metas reais e se comprometer em segui-las  

Tendo em vista que você já indicou no calendário quais atividades você precisa realizar e quando elas acontecerão, agora é a hora de definir o planejamento mais minucioso. Minha indicação é que você utilize os domingos à noite para planejar como será a sua semana. De acordo com o tempo que você tiver disponível, defina metas reais, tanto com relação à produção do TCC, quanto à meta de estudos para a OAB. 

A dedicação que peço aos alunos de primeira fase da OAB é de 3 horas diárias, cumprindo com seriedade as atividades indicadas no cronograma.  Muito mais valem 3 horas verdadeiramente estudadas, do que 8 horas de um estudo sem ritmo e estratégia. Defina em qual momento do dia ocorrerá o seu estudo, e cumpra à risca essa definição. Aos poucos essa atividade se tornará um hábito e ocorrerá de forma mais natural. 

Para o TCC, verifique quantos dias você possui até a entrega final e quantas páginas ainda precisam ser entregues. Com esses dados em mãos, defina na sua organização quantas páginas diárias você escreverá. Por exemplo, a minha meta diária era de duas páginas por dia, mas aos finais de semana eu aumentava para três, aproveitando que tinha mais tempo disponível.  

Entregue o seu melhor 

Compreenda que essa é só uma fase caótica, mas que como toda fase, vai passar. Esse período requer bastante dedicação e algumas abdicações para que o resultado seja positivo, porém, pense comigo, quanto antes você se dedicar e se organizar, antes você concluirá esses objetivos e poderá traçar novos voos. É um esforço momentâneo, mas de consequências vitalícias.  

Além disso, evite comparar os seus resultados com o de amigos e colegas. As comparações só seriam úteis se vocês estivessem exatamente nas mesmas condições, de tempo e de recursos, caso contrário, elas só servem para trazer desestímulo e nervosismo. Questione-se: você está fazendo o seu melhor?  

Se sim: esse é o caminho, siga firme até o seu objetivo.  

Se a resposta for não: identifique o que está te impedindo. Reorganize as suas atividades diárias e defina as suas prioridades. Esse texto foi um sinal para que você sente e repense a sua organização. Sempre há tempo enquanto houver vontade de mudar e melhorar. 

Compartilhe

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on telegram
Share on email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Colunas Relacionadas

Posts relacionados

Pular para o conteúdo