Concursos

TJ-SP anula quatro questões de prova para Escrevente Técnico Judiciário!

Anulação atende a prova para o cargo de Escrevente Técnico Judiciário para as comarcas da capital, aplicada no mês de maio.

Última atualização em 20/02/2024
Compartilhar:

Novidades para os candidatos ao cargo de Escrevente do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo. Tudo porque foi publicado nesta quarta-feira (12) o resultado dos recursos contra o gabarito das provas objetivas, que foram aplicadas no último dia 28 de maio.

Nisso, a Fundação Vunesp, que é a banca responsável pelo certame, acatou os recursos interpostos e assim anulou as questões 47 (quarenta e sete), 53 (cinquenta e três), 66 (sessenta e seis) e 69 (sessenta e nove) atribuindo os pontos das questões anuladas a todos os candidatos que realizaram a prova objetiva, nos termos do item 2.1 do capítulo XIII do edital de abertura do Concurso.

Confira os candidatos que tiveram o recurso aceito segundo a banca:

Vale lembrar que os recursos compreendem ao primeiro de dois certames realizados pelo TJ-SP para o cargo de Escrevente Técnico Judiciário, que teve a sua prova aplicada no mês de maio e contempla as comarcas da capital.

Sobre as provas:

Inicialmente marcadas para o dia 28 de maio, conforme consta no edital, as avaliações dos candidatos será feita por meio de provas objetivas e práticas, ainda sem local e horário definidos. A prova objetiva, terá cinco horas de duração e 100 questões, a serem distribuídas pelas seguintes disciplinas:

  • Língua Portuguesa (24)
  • Conhecimentos em Direito (40)
  • Conhecimentos Gerais/Atualidades (6)
  • Conhecimentos Gerais/Matemática (6)
  • Conhecimentos Gerais/Informática (14)
  • Conhecimentos Gerais/Raciocínio Lógico (10)

Para obter a aprovação na prova objetiva, os candidatos precisaram acertar 50% das questões de português e direito, que são considerados requisitos eliminatorios do certame. Ao final, será aprovado aquele que obtiver nota final igual ou superior a cinco pontos. Na sequencia, os aprovados nas provas objetivas serão convocados para avaliação prática, de caráter eliminatório, e que buscará aferir o conhecimento e habilidades do candidato.

Sobre as vagas

Com a exigência do nível médio para concorrer no certame, o edital ofertando 400 vagas para o cargo de escrevente, as oportunidades para o concurso do TJ-SP atendem a comarca da capital e serão divindades entre a concorrência geral, pessoas com deficiência e as ações afirmativas, que são vagas destinadas a candidatos pretos e pardos. A divisão das oportunidades, segundo o edital, ficou na seguinte forma:

  • Geral (300)
  • Pessoas com deficiência (20)
  • Candidatos negros (80)

Por fim, a remuneração inicial para os futuros servidores será de R$ 5.480,54, mais benefícios como: auxílio para alimentação, saúde e transporte. A jornada é de 40 horas de trabalho semanais.

Resumindo:

Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo (TJ-SP)

Cargos: Escrevente Técnico Judiciário

Vagas: 400

Escolaridade: nível médio

Salários: R$ 5.480,54

Inscrições: ENCERRADAS

Taxa: R$ 81,00

Provas: 28 de maio

Banca: Fundação Vunesp

Já conhece nossos cursos?

O Ceisc oferece uma vasta gama de cursos que vão te ajudar a conquistar a sua tão sonhada nomeação. Acesse agora o nosso site e confira as condições especiais que estamos oferecendo!

00

Fale com a gente

Converse com a equipe de Vendas Ceisc pelo Whatsapp ou então tire suas dúvidas com o Atendimento Ceisc pelo e-mail para atendimento@ceisc.com.br