Concursos

Governo do RS anuncia 1,3 mil novos servidores para segurança pública

Plano 'RS Seguro' deve reforçar as corporações da Polícia Civil, Brigada Militar, Susepe e o corpo de Bombeiros.

Última atualização em 20/02/2024
Compartilhar:

Em entrevista coletiva na manhã desta segunda-feira (27) no Palácio Piratini, sede do governo do Rio Grande do Sul, o governador Eduardo Leite, anunciou novidades na segurança pública. Com plano de ação intitulado ‘RS Seguro’, o estado gaúcho deverá receber reforço nos próximos meses. Ao todo, mais 1.331 novos servidores serão chamados entre os meses de abril e agosto, para integrar as corporações da Polícia Civil, Brigada Militar, Susepe e o corpo de Bombeiros.

As convocações devem suprir um déficit considerável nas corporações, além de devolver policiais militares que hoje atuam nos presídios. Segundo o governo, esses serão substituídos por novos servidores na Susepe.

Veja como ficará a escala de chamamentos de novos servidores:

Abril

Bombeiros – 100 soldados (praças)

Susepe – 355 agentes

                43 agentes administrativos

                33 técnicos superiores

Julho

Polícia Civil – 200 Escrivães

                      200 Inspetores

Agosto

Brigada Militar – 400 soldados (praças)

Vale lembrar que os chamamentos de novos servidores, por hora não implica na possibilidade de publicação de novos editais, uma vez que o próprio governo protocolou na última sexta-feira (24), uma solicitação a Assembleia Legislativa local para prorrogação de prazo de concursos realizados em 2021, e que estavam suspensos por conta do período da pandemia de Covid-19.

Governo do RS envia proposta para ampliar prazo de concursos

Enviado na última sexta para Assembleia local, um projeto de lei complementar (PLC) que altera legislação de 2021 que suspendia o prazo de validade dos concursos públicos durante o período de calamidade pública no Estado em função da pandemia. Outras alterações foram realizadas posteriormente, em legislação federal em 2022.

A proposta do Governo do Estado, remetida ao Legislativo em caráter de urgência, deverá chegar ao plenário em no máximo 30 dias para apreciação, busca adequar a legislação estadual à normativa federal, ampliando por um ano o prazo dos concursos já realizados.

Segundo o governador, em anúncio feito nas redes sociais, ele afirmou ter entendido o apelo dos deputados e concursados, tendo como objetivo da proposta enviada promover, a um só tempo, os princípios da segurança jurídica, da eficiência e da economicidade, permitindo que concursos ainda válidos sejam aproveitados para futuras contratações.

Escolha uma boa companhia

Ficou claro que estudar, de forma séria e dedicada, envolve planejamento e muita força de vontade. Então, nada melhor do que escolher uma boa companhia para esse momento. Do novato ao mais experiente, o Ceisc está ao seu lado para lhe ajudar, se adaptando às suas necessidades.

Pensando nisso, o novo Carreiras chegou para mostrar o que realmente importa: um guia personalizado para sua rotina, dando para você o controle do seu aprendizado. Acesse já nosso site, e confira mais detalhes sobre o Carreiras Segurança Pública. Esperamos você lá!

00

Fale com a gente

Converse com a equipe de Vendas Ceisc pelo Whatsapp ou então tire suas dúvidas com o Atendimento Ceisc pelo e-mail para atendimento@ceisc.com.br