OAB 1° e 2° fase

Como reiniciar os estudos após a reprovação na primeira fase da OAB

Como reiniciar os estudos após a reprovação na 1ª fase da OAB? Descubra agora o caminho para o sucesso com as nossas dicas!

Última atualização em 20/02/2024
Compartilhar:

Passada a prova do 36º Exame – que, conforme os professores avaliaram, teve um nível de complexidade superior ao do exame anterior - as mensagens dos alunos que não atingiram a aprovação nos fazem repensar junto a eles o que pode ter faltado durante a preparação. Apesar de sabido que a reprovação é um resultado possível para todos que fazem a prova e que a reprovação não define a inteligência e a capacidade de ninguém, também é verdade que nenhum examinando a deseja e que ninguém se prepara para ela.

Dessa forma, reiniciar os estudos após a reprovação pode parecer algo ainda mais doloroso e difícil, já que o aluno não sabe por onde recomeçar e teme cometer os mesmos erros. Por isso, o ponto inicial dessa retomada é buscar mudar a sua percepção do resultado da prova, na lógica de compreender essa experiência como fornecedora de dados sobre as dificuldades enfrentadas, utilizando-os para se preparar e combatê-las em uma nova prova.

Nessa perspectiva, trago a importância de você fazer algumas análises e reflexões sobre o seu desempenho. Para que você possa seguir em frente, sem pensar nesse exame novamente, é necessário primeiro que ele nos forneça as informações que direcionarão a sua retomada.

Análise de desempenho do 36º Exame

Tipos de erro - analise as questões erradas procurando compreender qual foi o motivo que te fez errar. Utilize os seguintes critérios e anote ao lado de cada questão a sigla correspondente:

Falta de atenção (FA): deixou passar informações importantes do enunciado ou nas alternativas que fizeram com que você errasse a questão.

Desconhecimento do conteúdo (DC): não sabia do que se tratava o conteúdo, não lembrava de ter estudado ou não lembrava daquele ponto específico da matéria.

Dificuldade de interpretação (DI): não soube interligar o seu conhecimento teórico ao caso hipotético narrado na questão. Teve dificuldade de aplicar a lei ou a teoria ao problema trazido.

Ao final, verifique qual foi o código mais recorrente nos seus erros e então, na sua retomada aos estudos procure fortificar esses elementos que estiveram mais presentes:

Se a maioria for FA: ao realizar novas questões faça leituras mais atentas, marque as palavras principais nos enunciados e alternativas (principalmente: partes envolvidas, datas e palavras que generalizam: “nunca”, “jamais”, “sempre”). Se necessário, leia o enunciado mais de uma vez, pelo menos no início dessa retomada, para que você crie aos poucos uma segurança maior na realização das questões.

Se a maioria for DC: verifique em quais disciplinas esse tipo de erro foi predominante, pois a essas disciplinas você deverá dedicar mais atenção, aplicando o método de estudo com mais profundidade e realizando mais questões dessas disciplinas.

Se a maioria for DI: nesse caso, é indicado que você procure realizar mais questões do que na sua preparação anterior, além disso, busque sempre assistir ao vídeo de correção dessas questões, nos quais os professores resolvem a questão, explicando o raciocínio que deveria ter sido feito. Somente o treino te propiciará interpretar melhor os assuntos exigidos nas questões.

Veja como foi sua gestão de tempo

Faça uma reflexão acerca do seu aproveitamento do tempo de prova na realização do último exame. Grande parte dos alunos indicam a má gestão do tempo como fator predominante para sua reprovação.

A má gestão do tempo de prova pode ser tanto realizá-la de forma muito lenta a ponto de não sobrar tempo suficiente para resolver com atenção todas as questões, quanto realizá-la com uma rapidez excessiva que aumenta a probabilidade de deixar passar informações importantes nos enunciados das questões.

Se você verificou que esse foi um empecilho no último exame, nessa nova preparação para a primeira fase é superimportante que você treine a sua gestão do tempo de prova ao realizar simulados. Procure fazê-los imitando as condições que você enfrentará no dia da prova, ou seja, sem consultar materiais, sem sair do cômodo enquanto realiza a prova e o mais importante: no período de 5h corridas, assim como no dia da prova.

Suas emoções também importam

Normalmente a má gestão de tempo é acompanhada da dificuldade de lidar com as emoções no momento da prova. Controlar o nervosismo, a ansiedade e principalmente o medo de fracassar, são pontos que prejudicam a concentração do examinando e que tornam o peso da prova maior do que ele realmente é.

Caso você tenha uma grande dificuldade de gerenciar as suas emoções e esse foi um ponto determinante na sua reprovação, se você tiver condições, procure ajuda especializada com um psicólogo de confiança. É possível que a prova seja só a pontinha de algo que esteja te incomodando há mais tempo e ignorar esse problema tem tornado ele ainda maior e dificultado a sua concentração nos estudos.

Mas se a sua dificuldade for só com relação ao momento da prova, somente o treino dessas condições aperfeiçoará o seu controle das emoções. Colocar-se nessa situação, ainda que de forma simulada, já provocará aquelas sensações de desconforto e nervosismo encontradas no dia do Exame. Treinar é aperfeiçoar o seu controle sobre essa situação. Quanto mais você praticar, mais o dia da prova se parecerá com um dia comum de resolver simulado.

Nova caminhada

Você está iniciando uma nova caminhada, com uma antecedência extremamente positiva para que você possa fazer uma preparação diferente e atingir o resultado desejado. Albert Einsten disse certa feita: “Insanidade é continuar fazendo sempre a mesma coisa e esperar resultados diferentes”. Essa é uma nova oportunidade para fazer diferente, para melhorar o que não estava bom e assim, atingir um resultado diferente.

Durante toda a sua preparação você poderá contar com o Ceisc, inclusive para colocar em prática os elementos que foram abordados nesse texto. Se você gostou das dicas e quer ter acesso a mais conteúdos sobre como iniciar a sua preparação para o 37º Exame, indico a sua inscrição no evento de Aulas Inaugurais de 1ª Fase, com aulas abertas no Youtube e materiais para que você analise o seu formato de estudo atual e obtenha orientações para organizar e manter uma rotina de estudos. Vale a pena conferir!

Se você gostou das dicas trazidas nesta edição de Mentorias, não deixe de compartilhar com algum amigo a quem possa auxiliar.

00

Fale com a gente

Converse com a equipe de Vendas Ceisc pelo Whatsapp ou então tire suas dúvidas com o Atendimento Ceisc pelo e-mail para atendimento@ceisc.com.br